A Palavra viva de Deus

... É luz para os meus passos (Sl 118,105)


Jesus Cristo é a Palavra Viva de Deus que suscita nos homens uma “vida nova” e os congrega numa comunidade de amor. De maneira que podemos dizer, sem dúvida, que a Bíblia é o “querer de Deus” para a nossa vida; e cada página desse Livro é “carne” de Cristo Jesus – alimento espiritual para todos nós. Por isso, precisamos conhecer a Palavra de modo a saber o que Deus quer de nós, quais os seus propósitos, quais são as promessas e qual o seu projeto como Criador, Salvador e Santificador.

Portanto, todos nós, cristãos, somos chamados a mais do que ler ou ouvir, mas celebrar com todo entusiasmo e alegria a Palavra de Deus!

Quando lançada por Deus, a Palavra chega ao coração do homem e não volta para Ele sem ter produzido o efeito desejado (Isaías 55,10-11).

A PALAVRA VIVA DE DEUS


1.1- O livro de Deus é diferente.

Deus é quem fala, e para todos nós, aqui e agora.

Fala através de sua Palavra Viva, que é o Seu filho único Jesus Cristo.

Jesus se comunica em todas as páginas da Bíblia, especialmente nos Evangelhos. E mostra sua própria vida revelando sua força capaz de mudar a vida dos homens e do mundo. Para libertar todas as pessoas, pobres e ricas e para abrir novos caminhos na maneira de viver com os outros. Mostrando que somos filhos do mesmo Pai e que devemos conviver fraternalmente uns com os outros, como verdadeiros irmãos.

1.2- Como ler o Livro de Deus?

Quem lê a Bíblia deve ter uma atitude diferente e estar atento ao que Deus fala em Sua Palavra. Ao abrir o Livro de Deus, não devemos procurar respostas para satisfazer a curiosidade, mas procurar concretamente o que Deus fala, promete e pede.

1.3- A atitude fundamental é ter um coração:

Pobre – Que não procura muitas ideias, nem problemas curiosos, mas escuta o apelo de Deus, que nos mostra que precisamos d’Ele e dos irmãos.

Aberto – Que deixa Deus falar tudo o que quer e não procura ficar só com aquilo que já sabe e pensa. E, acima de tudo...

Livre – Capaz de tirar proveito do que ouvimos para mudar a maneira de viver.

1.4- Jesus Cristo está presente e fala.

Os Evangelhos não são uma simples história de fatos dos tempos passados, nem uma biografia da vida de Jesus. Eles anunciam que Jesus está vivo, presente e nos fala hoje.

Jesus Cristo é apresentado como Aquele que passou fazendo o bem e ensinando a maneira de vivermos como “filhos” de Deus. Ele morreu na cruz, mas ressuscitou, e por isso está vivo e continua a agir e a ensinar todos os homens para salvá-los.

1.5- Os Evangelhos suscitam a fé

O texto de João (20,30-31) mostra o que são os Evangelhos e para quem foram escritos: para revelar quem é Jesus Cristo e para fazer nascer, crescer e amadurecer a fé n’Ele.

Os Evangelhos nos fazem ver a Deus e o que Ele quer de nós, nos ensinando como viver de maneira nova, deixando que o Espírito Santo nos conduza a “caminhar em novidade” e prometendo nos levar na direção de uma vida cada vez mais rica e realizada.

Assim, a leitura dos Evangelhos não deve ser uma simples leitura curiosa, cheia de discussões, mas deve ser uma descoberta, um encontro pessoal com Jesus Cristo que está vivo e presente, e nos fala para mudar à nossa maneira de viver.

 

 

Compartilhar:
X