Quaresma de São Miguel

Período de 21 de agosto a 29 de setembro (mas, pode ser feita em qualquer época do ano)

Caríssimos irmãos e irmãs, esse é um convite para que você venha participar da nossa espiritualidade rezando conosco a quaresma de São Miguel Arcanjo. Na vida da Comunidade Santos Anjos esse é um tempo particular de exercícios espirituais que precisa ser conduzido pelo Espírito Santo para que possamos trilhar os caminhos que o Senhor preparou especialmente para nós. Do contrário, vamos repetir orações sem profundidade, correndo o risco de passarmos quarenta dias sem o desejado alimento espiritual que irá nos fortalecer para a perseverança na busca da santidade. Inclua-se nesse tempo, além das orações diárias, um jejum semanal e uma Confissão a partir de um bom exame de consciência.

Vejamos o que diz nossa ”Regra de Vida”
(RVCSA 326-327)
Nos primeiros tempos da fundação de nossa Comunidade e no tempo em que pouco se falava sobre essa quaresma, o Senhor, no esplendor de Seu zelo amoroso, nos alertou para as semanas que antecedem a nossa Consagração. Sabedor das artimanhas do mal, que quer sempre e obstinadamente destruir os projetos de Deus, o Espírito Santo nos levou ao discernimento de que houvesse uma preparação especial de todos aqueles que desejam consagrar-se a Deus na Comunidade SANTOS ANJOS. Nesse sentido, então, fomos levados a descobrir na vida de São Francisco de Assis, e mesmo na história de algumas congregações religiosas, a prática da quaresma de São Miguel Arcanjo como um tempo de reflexão.

Assim, nesses quarenta dias que antecedem ao dia 29 de setembro, que é dedicado pela Igreja aos Santos Arcanjos e data escolhida para nossa consagração, assumimos um tempo de oração e de exercícios espirituais, incluindo o compromisso diário da rezar o Rosário de São Miguel Arcanjo. Portanto, essa quaresma deve promover uma reflexão interior que questione com profundidade, a caminhada pessoal de cada membro da Comunidade. Ressaltando a vida no carisma original, a busca da santidade, a necessidade de uma participação mais intensa na vida comunitária, o acolhimento e a disponibilidade alegre para o serviço. Esse tempo é precioso para que o Espírito Santo possa conduzir os candidatos a se reconciliarem com Deus e com os irmãos, e a terem um verdadeiro encontro com Jesus, razão pela qual sempre podemos recomeçar.
Como participar da Quaresma de São Miguel Arcanjo

O importante, em toda campanha de oração, é a nossa fidelidade diária e as intenções que apresentamos a Deus, no caso pela intercessão dos arcanjos, invocando os nove coros celestiais dos santos anjos. Desse modo, a Quaresma de São Miguel Arcanjo deve ser, para todos nós, um tempo de reconciliação com Deus, com a família e com os irmãos, onde devemos nos submeter à misericórdia do Senhor através de uma bem preparada Confissão Sacramental. Sim, porque essa é a vontade de Deus para nós: a santidade!

Esses 40 dias de oração devem ser de uma verdadeira peregrinação a Deus com São Miguel Arcanjo. Buscando maior abertura à conversão, ao aprimoramento da vocação à santidade, maior docilidade à formação e um amadurecido esforço de despojamento para o crescimento fraterno e missionário, principalmente para nós, que somos comprometidos com o Evangelho e que devemos ter, nesse tempo, uma bela oportunidade de reflexão.

Assim, a partir do dia 21 de agosto, devemos reservar diariamente um tempo de oração para essa quaresma, sempre que possível e não obrigatório, em companhia de irmãos de Comunidade ou de familiares.

Se você puder dispor de uma gravura ou um ícone de São Miguel Arcanjo coloque-a em lugar visível em sua casa e diante dela faça suas orações de cada dia, de acordo com os seguintes passos:

- Comece com o Sinal da Cruz e reze a oração do Espírito Santo;
- Apresente a São Miguel sua intenção do dia;
- Segundo a Liturgia da Igreja, tome sua Bíblia para ler e refletir sobre o evangelho do dia, deixando que Deus fale ao seu coração a respeito. Se achar oportuno, escreva num caderno os frutos dessa reflexão;
- Feito isso, faça as orações seguindo a ordem dos itens de 1 a 3;
- Reze o Rosário de São Miguel Arcanjo, incluindo, além da intenção do dia e de suas intenções particulares, as seguintes intenções: 1) Pela Igreja: pelo Papa, pelos Bispos e por todos os sacerdotes que nos assistem, e ainda por vocações sacerdotais na Igreja; 2) Pelos casais, pelos jovens e por todas as nossas famílias; 3) Pela Comunidade Santos Anjos: por todos os missionários e por todo Apostolado e Missões que realizamos; 4) Pelo nosso Brasil; 5) Por aquelas pessoas que nos pedem oração ou pelas quais temos o compromisso de rezar diariamente; 6) Pelos doentes, marginalizados e sofredores; 7) Pelas crianças; 8) Particularmente por você que reza esse terço – peça por suas necessidades; 9) Por um milagre na sua vida;
- Assim, teremos uma intenção para cada um dos 9 coros dos Anjos. Só nos falta começar e sermos fiéis até o fim. Nos últimos dias, venha celebrar conosco o Tríduo dos Arcanjos (27, 28 e 29 de setembro).

1- Oração a SÃO MIGUEL ARCANJO (pequeno exorcismo de São Leão XIII)

Oremos: “São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede nosso refúgio contra a maldade e as ciladas do demônio! Ordene-lhes Deus, instantemente vos pedimos; e vós, príncipe da Milícia Celeste, pela virtude Divina, precipitai ao inferno a Satanás e a todos os espíritos malignos que andam pelo mundo para perder as almas. Amém”!

2- Oração a NOSSA SENHORA RAINHA DOS ANJOS

Oremos: “Augusta Rainha do Céu, altíssima Senhora dos Anjos. Vós que desde o princípio recebeste de Deus o poder e a missão de esmagar a cabeça de Satanás, nós vos suplicamos humildemente, que envieis vossas santas legiões para que, sob vossas ordens e por vosso poder, persigam os demônios, os combatam por toda parte, reprimam sua audácia e os precipitem no abismo do inferno. Quem como Deus? São Miguel, Santos Anjos e Arcanjos, defendam-nos e guardai-nos. Ó Mãe de Deus, enviai vossos Anjos para defender-nos e afastar para longe de nós o cruel inimigo. Ó boa e terna Mãe, vós sereis sempre o nosso amor e a nossa esperança. Amém!”
3- Consagração diária a SÃO MIGUEL ARCANJO

Oremos: “São Miguel Arcanjo, guardião da Igreja e príncipe das milícias celestiais, eu me apresento diante de vós e dos Santos Anjos de Deus. Confiando na vossa guarda poderosa vos escolho hoje para meu protetor e meu particular intercessor, propondo-me honrar-vos fielmente com as minhas orações. Assisti-me durante todo esse dia a fim de que jamais eu ofenda a Deus com meus pensamentos, palavras, atos e omissões. Fortalecei e orientai a minha resposta ao chamado de Deus e protegei-me de todo engano e de toda a negligência. Arcanjo São Miguel guarde em vossa santa e poderosa defesa, meus familiares e irmãos de Comunidade. Defendei-me contra as tentações do maligno e alcançai para mim e para meus queridos, uma morte serena e a pátria da eterna glória. São Miguel Arcanjo, rogai por nós para que sejamos dignos das promessas de Cristo, Amém!”.

4- Oração ao SANTO ANJO DA GUARDA (Essa oração deverá ser feita à noite ao se deitar, e pela manhã)

Oremos: ”Santo Anjo do Senhor, meu zeloso guardador, se a ti me confiou à piedade divina, sempre me rege, me guarde, me governe e me ilumine, Amém! ”
X